Ministro Adjunto pede escusa de intervenção em matérias do sector eléctrico

O governante fez este pedido a 11 de Maio ao abrigo dos artigos 6º e 7º do Código de Conduta do Governo e António Costa aprovou-o três dias depois.

A EDP liderou os ganhos, com uma subida de 9,32% para 3,40 euros, após a China Three Gorges ter lançado na sexta-feira uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) voluntária sobre o capital da empresa. O despacho assinado por António Costa confirma que o pedido foi feito no seguimento da OPA e clarifica que antes da tomada de posse, o ministro amortizou a quota que detinha na sociedade, tendo cessado toda a ligação à mesma ou à China Three Gorges. O ministro considera que a situação "pode suscitar dúvidas", dado que Siza Vieira "vinha acompanhando, em conjunto com outros membros do Governo e por minha determinação (de António Costa) diversos assuntos relativos ao setor energético".

O comunicado assegura ainda que o ministro adjunto "não teve, antes dessa data - outubro de 2017 -, qualquer contacto como advogado ou em qualquer outra qualidade com a CTG (China Three Gorges) ou seus representantes".

Logo na sexta-feira, o primeiro-ministro reagiu à OPA sobre a EDP, dizendo que o Governo não colocava entravas.

Edition: