Fundação Municipal de Saúde confirma morte por H1N1 em Teresina

Ele é primo do diretor do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), o médico Gilberto Albuquerque. Luís era casado e tinha três filhos. O estoque de vacinas para a Campanha Nacional, que protegem contra os vírus Influenza tipo B, A H1N1 e A H3N2, já zerou na Rede de Frios da Capital. "O resultado do exame ainda não saiu, portanto, há somente uma suspeita", informou a Fundação através de sua assessoria.

O motorista de iniciais F.L.S., de 52 anos, foi a primeira pessoa a morrer vítima de H1N1 em Teresina.

Em nota, a Fundação Municipal de Saúde informou que o caso aconteceu por falha humana e informou que está monitorando a crinaça para que ela não sofra nenhum prejuízo. Ele se recusou a ficar internado na primeira ida ao hospital, quando apresentou os sintomas, e quando retornou, já estava em estado gravíssimo.

Por conta do ocorrido, a FMS alerta as pessoas com doenças crônicas que apresentem síndrome gripal aguda, que procurem o serviço de saúde o mais rápido possível para que sejam tomadas as medidas cabíveis em caso de diagnóstico de H1N1.

De acordo com informações da Secretaria de Estado de Saúde do Piauí, o paciente sofreu uma parada cardiorrespiratória no hospital e foi reanimado e entubado, mas faleceu ainda na segunda-feira.

Edition: