Prisão lava a alma de milhões de brasileiros, diz Doria

No dia seguinte ao que se tornou o pré-candidato do PSDB ao governo do Estado, após vencer as prévias do partido com 80% dos votos, o prefeito da capital, João Doria, afirmou nesta segunda-feira, 19, que Geraldo Alckmin e ele "agora estarão juntos". O presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Milton Leite (DEM), recebeu posse como vice-prefeito.

Segundo ele, elas aconteceram por causa da mudança de posicionamento de alguns vereadores, que mostraram não concordar mais com as iniciativas do prefeito.

Em seu último ato à frente da cidade, Doria reúne todos os secretários e presidentes de empresas municipais.

O jovem substituto de João Doria é Bruno Covas, de apenas 38 anos. Ele enfatizou uma economia de R$ 800 milhões e os desafios da campanha eleitoral que está por vir.

João Doria assina o documento de extinção do cargo e já não é mais o prefeito de São Paulo.

Edition: