Conselheiros do São Paulo vão ao treino apoiar Jardine

O São Paulo, porém, saiu atrás do placar em uma falha do goleiro Jean, que errou na saída de bola.

Por ter terminado a fase de grupos em primeiro na sua chave com 17 pontos, com dois a mais do que o São Caetano, o São Paulo decidirá a vaga na semifinal do Estadual no segundo jogo da série em casa.

Na terça-feira (13), a FPF (Federação Paulista de Futebol) define a data e os horários das partidas.

- O Aguirre pediu para ver o Diego Souza e o Caíque escalados como titulares.

A equipe tricolor não se abateu e conseguiu o empate. E foi nos pés de Nenê, que começou a jogada do gol de empate do Tricolor aos 31 minutos: com a bola pelo lado direito da grande área, Nenê cruzou rasteiro, Nininho tenta cortar e acaba jogando contra o próprio gol. Na etapa final, Arboleda, de cabeça, virou o placar. Após cobrança de falta de Junior Tavares dentro da área, Arboleda subiu mais que todos e cabeceou no fundo do gol, deixando Júlio Cesar sem chances de defesa.

- O segundo tempo foi com uma equipe mais leve, com mais profundidade, com o Marcos Guilherme.

Estreante no time profissional do São Paulo, o meia Liziero teve vontade em campo e mostrou que tem potencial para crescer na equipe. Os alvos do ato foram a diretoria do clube e o atual elenco de jogadores. No entorno do estádio, cerca de 200 torcedores uniformizados fizeram um "marcha fúnebre" antes e durante a partida.

Faixas pediam o "São Paulo de volta", protestavam contra "corrupção", alertavam para um "São Paulo na UTI" e também reforçavam a idolatria por Rogério Ceni, demitido no meio da temporada passada: "Mito é ídolo".

SÃO PAULO: Jean; Bruno, Arboleda, Aderllan e Júnior Tavares; Petros, Pedro Augusto (Liziero, no intervalo), Nenê e Diego Souza; Caíque (Valdívia, aos 20'/2ºT) e Tréllez (Marcos Guilherme, no intervalo).

Gols: Edmílson, aos 8 minutos do primeiro tempo (Red Bull); Nininho, contra para o São Paulo, aos 32 minutos do primeiro tempo; Arboleda, aos 23 minutos, (SÃO PAULO); e Marcos Guilherme, aos 27 minutos do segundo tempo (São Paulo).

RED BULL BRASIL : Julio César; Nininho, Anderson Marques, Tiago Alves e Breno Lopes; André Castro, Rayner (Doriva, aos 10'/2ºT) e Thomaz Santos (Matheus Oliveira, aos 26'/2ºT); Claudinho, Edmilson (Tatá, aos 9'/2ºT) e Eder Luis.

Edition: