Tottenham x Juventus vai passar na TV? Saiba onde assistir ao vivo

O Tottenham foi afastado nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, ao perder com a Juventus, mas Mauricio Pochettino deixou a prova milionária "orgulhoso" por aquilo que os seus pupilos fizeram.

O jogador argentino desfalcou a equipe nas duas últimas partidas do Campeonato Italiano e nesta terça trabalhou normalmente na atividade comandada pelo técnico Massimiliano Allegri no período de 15 minutos que foram liberados para a presença da imprensa no CT de Vinovo. A bola mascada, no entanto, acabou enganando tanto Chiellini quanto Buffon, entrando lentamente no gol da Juventus.

Após vencer por 1 a 0 o Chelsea no último fim de semana, Guardiola se mostrou satisfeito com o rendimento do argentino Sergio Aguero, que busca o gol 200 na carreia com o City e que vem sendo elogiado por Guardiola.

A resposta da Juventus não tardou e aos 6 minutos, depois de um cruzamento de Douglas Costa, a bola foge por pouco a Higuaín que não conseguiu cabecear como desejava. Aos 18 minutos, conseguiu empatar a partida. Quase de imediato, Lichtsteiner cruzou, Khedira desviou e Higuaín, com o sentido de oportunidade do costume, bateu Hugo Lloris e relançou a eliminatória.

O segundo tempo começou da mesma forma, com o Tottenham mais incisivo, mas foi a Juventus que marcou. Virata italiana na Inglaterra. A partir dali, no entanto, os anfitriões tomaram as ações para si, apostando principalmente na velocidade do sul-coreano Son pelo lado esquerdo. A Juve foi para o intervalo atordoada e precisava virar o placar para se classificar, mas não era capaz de criar chances claras de gol. Harry Kane viu o seu cabeceamento esbarrar no poste da equipa italiana e quando Lamela já se preparava para colocar Wembley em delírio, pronto para encostar a bola para o fundo da baliza, surge o corte de Barzagli que negou ali, naquele momento, o sonho do Tottenham em levar o jogo para prolongamento. Com a Premier League praticamente no bolso, o Manchester City joga em seu estádio com uma vantagem de quatro gols conquistada na ida na Basileia. Depois de uma jogada de insistência da equipa inglesa, Son voltou a tentar inaugurar o marcador com um cabeceamento que Buffon defendeu para a frente com relativa tranquilidade.

A virada veio apenas na segunda etapa com uma falha incrível do goleiro. O camisa 10 avançou livre e chutou no alto.

Edition: