Cruzeiro vence o Galo e garante liderança do Mineiro

O Cruzeiro venceu o Atlético-MG neste domingo após fazer 1 a 0 no rival dentro do Independência.

O resultado é muito ruim para o Galo, que continua na quarta posição da tabela, com apenas 12 pontos ganhos.

O Jogo - O Cruzeiro começou melhor a partida.

A primeira chance real da partida foi do Alvinegro. E foi novamente em bola parada que o placar quase foi inaugurado, aos 36.

Raniel recebeu um lindo passe de Rafinha no início do segundo tempo e abriu o placar. Desta vez, em cobrança de falta frontal para a Raposa. Os jogadores ainda reclamaram com a arbitragem, pedindo a validação do gol, que não aconteceu já que a bola quicou em cima da linha e saiu.

No segundo tempo, o Atlético tentou tomar a iniciativa do jogo. A Justiça já notificou o time celeste, para que deposite os R$ 10 milhões imediatamente, mas isso deverá ser feito em juízo, pois o Atlético-MG tem uma dívida com a empresa WRV. No lance, Rafinha deu um belo passe para Raniel, que ficou de cara com Victor e mandou a bola para o fundo das redes. Pela esquerda, Fábio Santos tocou para Otero na entrada da área, que, de primeira, serviu Ricardo Oliveira. Após lançamento de Victor, Érik saiu cara a cara com o goleiro Fábio, mas chutou em cima do arqueiro celeste, que fez uma ótima defesa. Já amarelado, o cruzeirense recebeu o segundo cartão e, consequentemente, o vermelho, sendo expulso de campo. Com um a menos, o Cruzeiro se fechava na defesa.

Aos 29, outro lance polêmico.

Apesar de as duas equipes terem voltado mais ligadas para a etapa final, o Galo continuou sofrendo com a desorganização em campo e com as falhas da arbitragem, que deixou de marcar faltas importantes, como quando o zagueiro Leo acertou a nuca de Ricardo Oliveira, deixando o atacante no chão.

Em termos de escalação, a maior ausência do Cruzeiro é o atacante Fred. Já nos acréscimos, após cobrança de escanteio, Leonardo Silva acertou o travessão. O jogo era de disputa pela posse de bola, com algumas entradas mais firmes.

Edition: