Vitória bate a Ponte Preta de virada e decreta rebaixamento do time

Sem clima para recomeçar o confronto, o jogo foi encerrado: 3 a 2 a favor do Vitória.

O Campeonato Brasileiro conheceu hoje, dia 26 de novembro, o segundo rebaixado para a Série B de 2018. Rodrigo agrediu Tréllez, recebeu o cartão vermelho direto e foi expulso de campo.

Mas foi aos 37min, já perto do final da partida, que veio o golpe de misericórdia. Os outros jogadores correram para os vestiários. A Polícia Militar precisou usar bombas de efeito moral e tiros de balas de borracha para afastar a multidão.

Com um a menos, a Ponte viu o Vitória crescer, principalmente no segundo tempo, e acabou tomando a virada com direito a dois gols de.

Empurrada pela torcida, a Ponte Preta fez uma blitz no Vitória e abriu 2 a 0 nos primeiros 15 minutos. Dona do jogo, a Ponte marcou duas vezes em 15 minutos: primeiro com Lucca e depois com Danilo Barcelos.

Com o resultado, o time catarinense respira, mas segue na zona de rebaixamento, agora na 18ª colocação, com 42 pontos.

Aranha; Nino Paraíba, Luan Peres, Rodrigo e Jeferson; Elton, Wendel, Danilo Barcelos e Léo Artur; Lucca e Léo Gamalho. Após cobrança de escanteio, o meia Danilinho desviou para a pequena área e André Lima completou de cabeça para o fundo das redes.

Foi um primeiro tempo alucinante. Dois minutos depois, o colombiano Santiago Tréllez limpou a marcação e chutou da intermediária. Danilinho desceu em velocidade e cruzou rasteiro para Tréllez apenas empurrar para o gol.

No segundo tempo, André Lima descontou para o Vitória, aos 12'. Após o terceiro gol, aos 36 minutos, parte da torcida invadiu o gramado.

O banco baiano reclamou bastante do lance fora de jogo e o juiz Ricardo Marques Ribeiro teve que consultar o quarto árbitro para, então, tirar Rodrigo de campo.

Já nos acréscimos, o meia Yago arriscou um chute de fora da área e a bola passou perto da meta defendida pelo goleiro Aranha.

VITÓRIA - Fernando Miguel, Patric, Kanu, Wallace Reis e Geferson; Ramon (Carlos Eduardo), Uillian Correia e Yago; David, Tréllez e Neilton.

Edition: