Deputado-presidiário tenta entrar na Papuda com queijos e biscoitos na cueca

As informações são do jornal O Dia.

Jacob foi preso no início de junho, em regime semiaberto, após ser condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por falsificação de documento público e dispensa de licitação no período em que foi prefeito de Três Rios (RJ).

O parlamentar cumpre pena em regime semiaberto, porém não perdeu o mandado. Após o expediente, o deputado deve retornar ao presídio, todos os dias.

Segundo a Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), ligada à Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, a irregularidade foi identificada durante o processo de revista. Ao ser questionado, Jacob disse que "estava com fome e que não iria mais tentar entrar com alimentos". Depois do queijo desidratado, os agentes encontraram um pacote de biscoito light e um de biscoito caseiro. Segundo o portal G1, o parlamentar foi levado para o setor de isolamento, onde vai ficar por sete dias.

Um inquérito disciplinar foi aberto para apurar a infração. Por outro lado, permanece em seu gabinete, propõe e vota leis e recebe salário de R$ 34 mil.

Edition: