John Lasseter abandona seu cargo na Pixar após acusações de assédio

Os roteiristas Rashida Jones e Will McCormack emitiram um comunicado nesta quarta (22) negando que deixaram a Pixar após tentativas de assédio do presidente do estúdio John Lasseter.

Conhecido por transformar a Pixar de um pequeno departamento gráfico da Lucasfilm no estúdio de animação mais bem-sucedido do mundo, Lasseter foi o diretor pioneiro de Toy Story e Toy Story 2. Na época, a dupla alegou "diferenças criativas" para a saída do projeto.

De acordo com relatos tanto de funcionários quanto de fontes da indústria, o incidente com Rashida Jones não teria sido isolado.

"Sempre quis que nossos estúdios fossem lugares em que os criadores podem explorar suas visões com o apoio e colaboração de outros talentosos animadores e contadores de história". Nunca é fácil assumir erros, mas é a única forma de aprender. "Como líder, é minha responsabilidade garantir que isso não aconteça; e agora eu acredito que falhei nesse sentido", publicou Lasseter. Como resultado, pensei bastante sobre o líder que sou hoje comparado com o mentor, defensor e campeão que quero ser. Foi chamado à minha atenção que fiz alguns de vocês sentirem-se desrespeitados ou desconfortáveis. Quero pedir desculpa especialmente a qualquer um que tenha recebido um abraço indesejado ou qualquer outro gesto que possam ter considerado que passou os limites de alguma forma. "Nunca foi a minha intenção", escreveu John Lasseter aos funcionários. Não importa o quanto a minha intenção foi benigna, todo mundo tem o direito de estabelecer limites próprios e tê-los respeitados. Também compartilhamos de um desejo de reforçar a cultura vibrante e respeitosa que tem sido o alicerce do sucesso do nosso estúdio desde o começo.

O norte-americano de 60 anos decidiu, depois de conversas com a Disney, tirar "algum tempo para reflectir sobre como avançar a partir daqui". Por mais difícil que seja para mim me afastar de um trabalho que amo e de um time que tenho em alta consideração, não apenas como artistas, mas como pessoas, sei que isso é o melhor para todos agora. Minha esperança é que esses seis meses me darão a oportunidade de cuidar melhor de mim, de recarregar as baterias e me inspirar e de no fim das contas voltar para cá com a perspectiva que preciso para ser o líder que vocês merecem. Eu desejo a todos um excelente final de ano e estou ansioso para trabalhar com vocês novamente no próximo ano.

Edition: