Neymar se desentendeu com treinador do PSG — Jornal

Uma falha da zaga do PSG permitiu ao Olympique o segundo gol.

Quem abriu o placar do clássico foi Luiz Gustavo. Neymar deixou tudo igual aos 33 minutos.

Pouco depois de levar amarelo por reclamação, Neymar sofreu falta sem bola de Ocampos, ficou irritado e deu uma peitada no adversário, que desabou. O camisa 10 recebeu um belo passe de Rabiot e mandou de canhota no canto esquerdo do goleiro. O brasileiro bateu cruzado, sem chances de Mandanda.

O PSG voltou do intervalo dominando as ações do jogo, rodando a bola no campo ofensivo, mas sem conseguir fugir da forte marcação do Marselha que por sua vez apenas se defendia, sem conseguir chegar ao campo ofensivo para assustar Areola. "Neymar argumentou que o jogo tinha sido jogado dois dias antes, que ele já tinha descansado e que precisava treinar", disse uma pessoa próxima a Neymar ao jornal francês. Na etapa final, Thauvin recolocou o time da casa em vantagem aos 33 minutos.

O entrevero entre os dois teria acontecido devido ao interesse de Neymar treinar com o grupo na última sexta-feira.

Mas nem tudo estava perdido.

A onda vitoriosa do PSG esteve muito perto de terminar este domingo, em Marselha, mas Cavani ainda foi a tempo de evitar a derrota dos parisienses ao fazer o golo do empate (2-2) nos descontos (90'+3), na conversão de um livre direto. O líder do campeonato encara o Nice, no Parque dos Príncipes em mais uma grande partida.

Edition: