Autarquias passam para tutela da Administração Interna, Igualdade vai para a Presidência

Maria Isabel Oneto vai desempenhar, no Ministério agora confiado a Eduardo Cabrita, as funções de secretária de Estado adjunta e da Administração Interna. O novo secretário de Estado tomará posse no sábado, pelas 9h30 - assim como os novos ministros e secretários de Estado - numa cerimónia no Palácio de Belém.

E José Artur Neves para a Secretaria de Estado da Proteção Civil, que sucede a Jorge Gomes, ainda que com uma pasta que não existia neste Governo. Na quinta-feira, Jorge Gomes afirmou que já não fazia parte do Governo (pouco antes da demissão da anterior ministra da Administraçao Interna, Constança Urbano de Sousa).

Marcelo Rebelo de Sousa aceitou as nomeações do primeiro-ministro para os novos secretários de Estado: Artur Tavares Neves para secretário de Estado da Proteção Civil, Rosa Lopes Monteiro para secretária de Estado para a Igualdade, Carlos Miguel para secretário de Estado das Autarquias Locais e Maria Isabel Oneto para secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna.

Ouvido pela agência Lusa, depois de conhecida a sua nomeação para a Secretaria de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves elegeu como primeiro objetivo "estruturar uma força de proteção para as pessoas".

Rosa Lopes Monteiro, professora universitária doutorada em Sociologia, vai substituir Catarina Marcelino como secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade.

O ex-presidente da Câmara Municipal de Arouca vai tutelar uma Secretaria de Estado que é nova na orgânica do atual Ministério da Administração Interna.

Doutorou-se em Sociologia do Estado, Direito e Administração pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, em 2011, tendo sido "aprovada com distinção e louvor por unanimidade", com uma dissertação intitulada "Feminismo de Estado em Portugal: mecanismos, estratégias, políticas e metamorfoses".

Estes dois secretários de Estado eram, até agora, tutelados pelo ministro Adjunto do primeiro-ministro, Eduardo Cabrita, que assumirá no sábado as funções de ministro da Administração Interna.

O secretário de Estado da Autarquias Locais passa a estar também integrado na Administração Interna, ao passo que a secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade passa para tutela da ministra da Presidência.

O advogado Carlos Miguel, de 60 anos, vai manter-se como secretário de Estado das Autarquias Locais, cargo que aceitou em 2015, o que o fez renunciar à presidência da Câmara de Torres Vedras onde esteve durante 11 anos.

Edition: