EA fecha o Visceral Games, estúdio responsável pela série Dead Space

Quanto aos funcionários da Visceral Games, serão divididos por outros estúdios da EA "tantos quanto possível". Devido a isso também, o novo Star Wars que seria um jogo de ação e aventura linear com foco na história, agora será totalmente reformulado com um novo estilo e o desenvolvimento ficará a cargo da EA Vancouver. Após diversos testes com jogadores, e olhando para o estado atual dos videojogos, decidiram mudar a linha de produção, indo agora para um jogo que consiga manter os jogadores interessados por um maior periodo após o lançamento. Com o final da trilogia de filmes marcada para esse ano, é provável que esse continue a ser o objetivo da EA, no entanto, muito vai depender da tal nova filosofia a que Soderlund se refere. "Estamos mudando o jogo para ser uma experiência mais ampla, que permite mais variedade ao jogador, se apoiando nas capacidades da nossa engine Frostbite e reimaginando os elementos centrais do jogo para dar aos jogadores uma aventura Star Wars com mais profundidade e amplitude para explorar".

O site Kotaku revelou que a EA fechou a Viceral Games, responsável por desenvolver jogos como Dead Space e Battlefield: Hardline.

Atualmente desenvolvendo um jogo secreto de Star Wars, o projeto será encaminhado para outros estúdios da EA e a Visceral deixará de existir imediatamente. A julgar pelas palavras de Söderlund, a resposta é que sim. O fechamento do estúdio também resultará na provável demissão de Amu Hennig, famoso game designer que já trabalhou em projetos como Uncharted e Legacy of Kain: Soul Reaver.

Sobre o seu futuro, a EA respondeu ao IGN que ainda está a discutir o com Amy Hennig os passos a seguir.

Edition: