Diretores do SBT não querem volta de Gugu Liberato

Segundo informações da coluna "Notícias da TV", o canal de Silvio Santos acredita que o comunicador, segundo um diretor que não quis se identificar, "não dá mais audiência nem traz faturamento". O apresentador já não é mais aquele que incomodou a Globo na Grande São Paulo quando cravou 21,6 pontos em 2001. A situação se agravou a partir de 2003, quando levou ao ar uma entrevista com falsos integrantes do PCC fazendo ameaças a personalidades em alta na época.

As filhas de Silvio Santos também são contra seu retorno. O Ibope em relação às atrações dele também caiu e Gugu tem 2017 como o pior ano de sua carreira.

Na cúpula do SBT, a avaliação é a de que, se Gugu não está funcionando na Record, também não vai dar certo na rede de Silvio Santos. E se a Record não quer mais contar com os serviços de Gugu, o SBT não deveria lhe estender a mão já que em 2009 ele praticamente abandonou a emissora para ganhar mais na concorrência.

Nas últimas semanas, Gugu tem enviado sinais de que quer voltar ao SBT.

No que depender de diretores do SBT, Gugu Liberato não voltará ao ar pela emissora que o lançou ao estrelato no passado. Com isso, Gugu vem se aproximando novamente de Silvio, mesmo que de forma indireta, como nos encontros dele com o cabeleireiro Jassa, conselheiro informal de Silvio.

Seu contrato com a Record vence em 31 de dezembro e, até agora, houve um único encontro para tratar da renovação.

O horário dele na emissora de Edir Macedo deve ser renovado por temporadas de programas, como os de Buddy Valastro e Xuxa Meneghel, não sendo, então, prioridade na área. Se continuar na Record, Gugu terá um novo formato. Isso quer dizer, na interpretação deles, que Silvio não considera a possibilidade de trazer o pupilo de volta.

Edition: