Bradesco confirma renúncia de Lázaro Brandão da presidência do Conselho

O Bradesco comunicou, por meio de fato relevante, que Lázaro de Mello Brandão apresentou, nesta terça-feira (10), carta de renúncia ao cargo de presidente do conselho de administração do Bradesco, bem como das funções que exerce em todas as suas controladas.

Para oficializar a troca do comando, a assessoria de imprensa do banco organizou na próxima quarta-feira (11), às 10h30, uma coletiva na sede do Bradesco para explicar a renúncia de Brandão, que estava no cargo desde fevereiro de 1990.

Com 75 anos de grupo, Brandão iniciou sua carreira em 1942 na Casa Bancária Almeida & Cia, instituição financeira que, em 1943, se transformou no Banco Brasileiro de Descontos, atual banco Bradesco, passando por todos os escalões da carreira bancária.

Trabuco vai acumular a presidência do banco e do Conselho de Administração até a primeira reunião do Órgão, que ocorre após a Assembleia Geral Ordinária prevista para março de 2018.

Em setembro de 2016 o Bradesco alterou seu estatuto e definiu que a idade limite para o cargo de diretor-presidente passaria de 65 para 67 anos.

Com a ascensão de Trabuco à presidência do conselho de administração, Carlos Alberto Rodrigues Guilherme foi nomeado para vice-presidente.

Edition: