Homem vive 40 anos com peça de Playmobil no pulmão

Com o histórico, a suspeita imediata foi de câncer; e, por isso, médicos pediram exame para confirmar o diagnóstico. Após exames, os especialistas suspeitaram de um câncer no pulmão do paciente. Na época, ele aspirou uma peça de aproximadamente 1 centímetro. Foi aí que o homem lembrou ter ganhado um brinquedo na infância e que o objeto poderia ser um cone de trânsito.

Segundo o próprio paciente, era comum para ele aspirar as peças dos brinquedos quando criança.

Um homem de 47 anos, de Preston, Inglaterra, teve um cone de brincar da Playmobil num dos pulmões durante 40 anos. A notícia chamou a atenção da publicação científica British Medical Journal, que explicou em uma relatório que as vias respiratórias do paciente foram capazes de se moldar e adaptar à presença do corpo estranho.

Homem teve cone da Playmobil no pulmão durante 40 anos
Após 40 anos, homem descobre que estava com peça de Playmobil no pulmão

Ao realizar uma broncoscopia os médicos constataram que na verdade se tratava apenas de uma miniatura de um cone de trânsito, do brinquedo Playmobil.

Meses após a remoção do objeto, o muco da tosse teria clareado e os sintomas melhorado significativamente.

Edition: