SextaObjetivo é promover a inclusão dessas pessoas no mercado formal de trabalho

O SINE ficará à disposição para cadastrar as empresas e as vagas disponíveis e encaminhar eventuais candidatos. A ação busca a inclusão no mercado de trabalho destas pessoas. O público também contará com os serviços do Sine da Prefeitura.

ACM, em Salvador, duante toda a próxima sexta-feira (29) oferece cerca de 500 vagas de emprego exclusivas para a inclusão profissional de pessoas com deficiência e reabilitados do INSS.

Os trabalhadores que têm direito à Inclusão pela lei de cotas devem comparecer levando a carteira de trabalho, registro de identidade, CPF, número do PIS e comprovante de endereço. A ideia é promover a inserção dessa parcela da população no mercado de trabalho com ações espalhadas em todo o País.

"Todos os trabalhadores com alguma deficiência enfrentaram as várias barreiras físicas e invisíveis do preconceito e da discriminação, para sonharem mais alto".

Agência de Novo Hamburgo A contratação de Pessoas com Deficiência está prevista na Lei de Cotas (8.213/91), implantada em 1999, pelo Decreto 3.298. O evento, na Associação Pestalozzi, fará a aproximação entra pessoas com deficiência e empresas com vagas de trabalho em aberto. Para participar da seleção, é necessário ser portador de alguma deficiência ou ser reabilitado do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). "Mas é sempre bom lembrar que os postos de trabalho devem ser adaptados às pessoas, com e sem deficiência, e não as pessoas devem se adaptar aos postos de trabalho", complementa o Superintendente. Agentes do órgão vão orientar pessoas com deficiência a disputar postos de trabalho, além de realizar a emissão de documentos, como carteira de trabalho.

Edition: