Lances de Brasil 2 x 3 Itália — Copa dos Campeões

O Brasil ainda terá Estados Unidos e Japão até o fim da Copa dos Campeões.

Nas demais partidas do primeiro dia, o Irã derrotou a Itália em partida equilibrada por 3 sets a 2. Quase todas as equipes ainda têm chances de chegar ao título de campeão.

Depois de Irã, o Brasil enfrenta EUA e Japão. "Estou muito feliz porque a seleção brasileira sacou muito bem e o trabalho de bloqueio e defesa também funcionou bastante e isso é muito positivo devido as dificuldades de jogar contra uma seleção tão rápida como é a do Irã, que tem um dos melhores levantadores do mundo na atualidade", disse Renan, se referindo a Marouf.

Brasil e Irã fazem às 0h40 (de Brasília) desta sexta-feira (15) um jogo que até temporadas atrás seria impossível de imaginar.

Apesar de terem caído pela primeira vez somente na terceira rodada, os iranianos somam apenas quatro pontos, porque vitórias por 3 a 2 valem dois pontos, enquanto triunfos por 3 a 1 ou 3 a 0 garantem três. A disputa, então, foi para o emocionante tie-break, com o Brasil levando a melhor e arrancando na raça a vitória por 26/24.

No tiebreak veio uma repetição dos primeiros e quarto sets, com os times muito próximos no marcador ao longo de todo tempo, apesar disso o Brasil acabou tendo mais frieza na hora decisiva e fechar o placar em 15 a 13 e 3 a 2. E a previsão se confirmou.

Na segunda parcial, os americanos começaram arrasadores e rapidamente abriram 8 a 2 no placar.

O desempenho ruim no set anterior parece ter despertado os brasileiros, que voltaram bem mais acesos após o descanso e fizeram logo 5/1.

Em seu próximo jogo na Copa dos Campeões, a seleção brasileira terá pela frente neste sábado, novamente a partir de 0h40 (horário de Brasília), os Estados Unidos, que em outro confronto realizado nesta madrugada de sexta venceu a França por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/17 e 25/16. A seleção ficou a outros dois de fechar o set (23/19), o que aconteceu após um bloqueio de Lucão (25/20).

Na próxima rodada, os comandados de Renan Dal Zotto encerram sua participação na Copa dos Campeões contra o Japão.

A parcial decisiva foi seguindo com as equipes se alternando na dianteira com a diferença mínima. Os EUA, no entanto, foram atrás da igualdade em 12/12, aumentando a temperatura em Osaka.

A seleção brasileira está no Japão com levantador Bruninho, o oposto Wallace, os centrais Lucão e Maurício Souza, os ponteiros Lucarelli e Maurício Borges e o líbero Tiago Brendle. Os reservas são o levantador Raphael, o oposto Renan, os centrais Otávio e Isac, os ponteiros Douglas e Rodriguinho e o líbero Thales.

O maior pontuador da partida foi o oposto americano Matthew Anderson, com 27 bolas na quadra adversária.

Edition: