Dragão vence Chaves e cola-se ao topo

É este o irrepreensível pecúlio do FC Porto na Liga portuguesa 2017/18, depois de neste sábado ter derrotado o Chaves por 3-0 no Estádio do Dragão.

Com o resultado, o Porto chegou a sua quinta vitória em cinco jogos e segue dividindo a liderança com o Sporting, que também tem 15 pontos. "Espero que no próximo jogo consiga ser ainda melhor", atirou Marega, em declarações ao site do FC Porto.

Perante a parca coerência ofensiva do FC Porto, os flavienses iam tentando responder em contra-ataque, e já perto da meia hora de jogo, criaram uma das melhores oportunidades da etapa inicial, num tiro de Jefferson, que Casillas respondeu com grande defesa.

Após o período de descanso, Sérgio Conceição quis dar maior 'poder de fogo' à equipa, promovendo a entrada do avançado Soares, que não jogava desde a primeira jornada, quando se lesionou, entrando para o lugar do inconsequente Corona.

No entanto, aos 87 minutos, Soares descansou o coração de todos os adeptos portistas, com o seu primeiro golo na actual temporada; um prémio merecido para quem esteve muito tempo parado, devido a lesão.

A equipa transmontana conseguiu, ainda assim, e já aos 70 minutos, ter uma soberana oportunidade para empatar, quando um passe de Paulinho desmarcou William, que, isolado frente ao Casillas, acabou por rematar, em esforço, ao lado.

Começava a ficar nervoso o Dragão e do banco saiu André André, por troca com Brahimi, com o intuito de, pelo menos ajudar a segurar a vantagem, e logo no minuto seguinte foi a vez de Soares, de cabeça quase acertar na baliza. Para terminar a festa Marega fixou o resultado final e transportou os azuis para a liderança repartida com o Sporting.

No entanto, o D. Chaves voltou a revelar-se uma equipa coesa e preparada para fazer algo que nunca tinha feito no Dragão (nem nas antigas Antas), isto é, "roubar" pontos à formação portista.

Edition: