Meirelles prevê crescimento de 3% do PIB

A previsão do ministro é maior do que a que está no Orçamento de 2018, que estima um crescimento de 2% para o PIB.

"Aprovamos o teto de gastos, reforma trabalhista, TLP [Taxa de Longo Prazo] e a Lei de Responsabilidade das Estatais", citou. Meirelles referia-se às medidas tomadas pelo Governo brasileiro para ajustar as contas públicas e dar um impulso à economia, incluindo o ajuste orçamental, a reforma de flexibilização do legislação laboral e a reforma do sistema de pagamento de pensões.

De acordo com o ministro, as transformações que estão sendo implementadas "ajudam na retomada da confiança, com queda de juros de longo prazo e previsão de crescimento maior nos próximos anos".

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta sexta-feira que o país vai entrar em 2018 crescendo "a um ritmo em torno de 3%" e que, em 2019, a economia poderá "crescer mais ainda".

Dados divulgados pelo IBGE, na semana passada, mostram que a economia brasileira avançou 0,2% no segundo trimestre, frente ao trimestre anterior.

Apesar de o crescimento económico do país foi ligeiro, mas significa que o país saiu tecnicamente da recessão, ou seja, cresceu pelo segundo trimestre consecutivo. Foi o segundo trimestre seguido de crescimento na comparação com os três meses anteriores, após dois anos consecutivos de taxas negativas.

Edition: