Petróleo cai em Nova York com impacto da tempestade Harvey

A reservas de petróleo nos Estados Unidos caíram mais do que o esperado na semana encerrada na última sexta-feira, 25 de agosto, dia da chegada da tempestade Harvey à costa do Texas, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pelo Departamento de Energia.

O barril de "light sweet crude" (WTI) para entrega em outubro recuou 1,30 dólar e fechou a 46,57 no New York Mercantile Exchange (Nymex).

Às 9h33, o barril de Brent para novembro negociado na ICE, em Londres, tinha alta de 0,59%, a US$ 51,03.

Os serviços meteorológicos americanos rebaixaram o Harvey para tempestade tropical ainda no sábado, mas as chuvas intensas e inundações consideradas "catastróficas" pelas autoridades da região continuaram.

O impacto da tempestade tropical Harvey na oferta e demanda de petróleo é uma questão complexa e que pode levar semanas para ficar claro. As refinarias, por sua vez, reduziram fortemente sua produção de combustível.

Segundo estimativas, a capacidade das refinarias foi afetada em cerca de 3 milhões de barris diários, ou seja, 16,5% da capacidade total americana.

Edition: