Petrolífera francesa Total compra Maersk Oil por 6.345 milhões de euros

A Total está comprando o negócio de petróleo e gás da Maersk por US$ 7,45 bilhões, em um acordo que a maior empresa francesa do setor disse que vai fortalecer suas operações no Mar do Norte e aumentar ganhos e fluxo de caixa. Para tal, pagará através de ações próprias o equivalente a 4.216 milhões de euros (4.950 milhões de dólares) ao atual proprietário, A.P. Møller-Mærsk, emitindo 97,5 milhões de ações próprias, um valor calculado com base na média das cotações das últimas 21 sessões de bolsa.

O pagamento será feito com US$ 4,95 bilhões em ações da Total e US$ 2,5 bilhões em dívidas assumidas da Maersk Oil.

Com o negócio, a Total acrescente ao seu portefólio mil milhões de barris de reservas provadas de petróleo, 80% localizado no Mar do Norte. O negócio deverá estar fechado no primeiro timestre de 2018.

A petrolífera francesa espera gerar sinergias operacionais, comerciais e financeiras de mais de 400 milhões de dólares por ano (340 milhões de euros), "em particular com a combinação de activos da Total e da Maersk Oil no Mar do Norte, uma área de excelência para ambas as companhias". Este ano comprou uma participação num projecto no Uganda à Tullow Oil por 900 milhões de dólares.

Edition: