Com 40 mil pessoas no estádio, Botafogo se classifica na Libertadores

O técnico do Botafogo, Jair Ventura, exaltou a classificação da equipe para as quartas de final da Libertadores.

Depois de deixar para trás o chileno Colo Colo, o paraguaio Olimpia, o argentino Estudiantes e o colombiano Atlético Nacional, o incrível Botafogo de Jair Ventura acabar de despachar mais um antigo campeão da briga pelo título da Libertadores de 2017 - batendo por 2 a 0, no Engenhão, o uruguaio Nacional, que chegou seis vezes à final da mais importante competição de clubes do futebol sul-americano e em três ficou com o caneco. Já o Tricolor, encaminhou a vaga ainda na quarta-feira ao vencer, de virada, o Godoy Cruz.

A vitória foi merecida porque o time brasileiro soube tirar partido da vantagem alcançada no primeiro jogo.

Rodrigo Pimpão comentou seu gol. No jogo da ida, o Botafogo havia vencido os uruguaios em Montevidéu por 1 a 0.

O JOGO - O Botafogo precisou de apenas cinco minutos para transformar toda a expectativa e ansiedade da torcida em gols e festa nas arquibancadas no Engenhão. Por um detalhe, não terminaram em gol.

E foi só. Fim de jogo e classificação para as quartas de finais da Libertadores. Por conta de uma cotovelada em Victor Luís, Polenta recebeu o cartão vermelho direto. Contudo, o Botafogo se manteve organizado e sólido defensivamente. Logo aos 2 minutos, Sebastián Rodríguez acertou forte chute e o goleiro espalmou. O goleiro voltou a ser decisivo aos 23, quando cresceu na frente de Viudez e fez ótima defesa. Em outro lance, Guilherme rolou para Roger na área e a finalização parou no goleiro.

Edition: