PJ detém suspeito de atear três fogos em Silves

Também esta ontem, a PJ deteve uma mulher suspeita de atear o incêndio florestal de grandes dimensões que deflagrou no domingo no concelho de Castelo Branco e que ainda se mantém e que colocou em risco várias populações e bens no município de Vila Velha de Ródão.

A Polícia Judiciária anunciou esta quinta-feira ter identificado e detido um sapador florestal, pela presumível prática de um crime de incêndio florestal.

O caso remonta ao passado dia 17 de julho, cujo incêndio ocorreu nas proximidades de Mosteiro, Oleiros.

A Polícia Judiciária contou com a colaboração da GNR de Oleiros e da Sertã.

Odetido, de 25 anos de idade, vai serpresente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Este ano, a Judiciária identificou e deteve 42 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Edition: