Quinta rodeada de carvalhos e castanheiros escapou ao fogo

Após a tragédia que se abateu sob o centro do país, em que as chamas consumiram mais de 30 mil hectares, surgiu nas redes sociais a imagem de uma quinta que sobreviveu ao grande incêndio de Pedrógão Grande. A casa está rodeada de árvores autóctones plantadas há décadas, entre as quais castanheiros, carvalhos, sabugueiros e oliveiras.

A holandesa Liedewij Schieving, proprietária da Quinta da Fonte, explicou ao Jornal de Notícias que os bombeiros "não estiveram no local" e que as árvores da quinta "sobreviveram por si".

"Aqui ardeu praticamente tudo. Havia muitos eucaliptos que não resistiram às chamas", refere Liedewij Schievin.

No Facebook, a mulher, de 50 anos, publicou vídeos e fotografias da zona envolvente à propriedade, que despertaram o interesse dos cibernautas.

Edition: