Papa Francisco agradece à Câmara de Ourém "dois dias inesquecíveis"

O Papa saúda o "efusivo testemunho de alegria e amor a Nossa Senhora de Fátima" de D. António Marto e o trabalho de todos os seus colaboradores, "em toda a parte, desde a mesa ao altar".

"De volta a casa, depois da minha peregrinação ao Santuário de Fátima, desejo renovar a si, aos outros bispos, sacerdotes, pessoas consagradas e fiéis leigos, a expressão do meu grato apreço pelo cuidado pastoral e espiritual com que as diversas dioceses se prepararam e estão a viver o centenário das Aparições de Fátima, nomeadamente com a visita da Virgem Peregrina a tudo quanto era cidade e aldeia desse abençoado Portugal, donde agora vieram pessoas sem conta "ver" a Mãe do Céu", escreveu o Papa Francisco, em nota hoje publicada pelo Patriarcado.

"Foram dois dias inesquecíveis que me permitiram rezar junto da verenanda imagem de Nossa Senhora de Fátima e canonizar dois Santos munícipes de Ourém, rodeado pelo carinho e sustentado pela oração duma multidão incontável de peregrinos, que lá se pôde reunir graças ao dedicado empenho da ampla equipa criada para o centenário das Aparições. Deus lhe pague!", continua. "A todos e cada um o meu muito obrigado", lê-se na carta de Francisco. Nela o Papa Francisco agradece a forma como foi recebido em Fátima a 12 e 13 de maio. "Fraternamente, Francisco. Vaticano, 22 de maio de 2017", assim termina a missiva.

Edition: