Jim Carrey vai aos tribunais por causa de morte da ex-namorada

O ator Jim Carrey foi acusado de ter fornecido os remédios utilizados por sua ex-namorada para cometer suicídio e deverá ser julgado por homicídio culposo.

Logo após a audiência, a defesa de Carrey disse que o artista "amava" Cathriona White e este é um "processo muito doloroso para ele".

A causa da morte de Cathriona foi suicídio, depois de ela ter tomado uma overdose de medicamentos. Sua morte aconteceu poucos dias depois de romper com Jim Carrey.

Os advogados de Carrey insistem que o suicídio de Cathriona foi uma decisão pessoal, independente e que não teve qualquer envolvimento do ator. Os dois namoraram durante alguns meses, mas terminaram logo em seguida, reatando o relacionamento em maio de 2015. Esta quarta-feira, o juiz indicou que essa hipótese, avançada pela mãe da jovem, Brigid Sweetman, ainda não foi descartada.

Edition: